♪ Crazy - Simple Plan

4 de agosto de 2011

E de repente,
como o sol quando se esconde
atrás das nuvens
e como o céu que de azul
vira cinza, foi-se embora
o sorriso e a vontade
de viver.
E de repente,
como a chuva que cai
fina, fria e sem graça, dos olhos
passaram a cair
lágrimas
de dor, de desespero, de saudade.
Porque de repente,
como uma estrela que no céu
se apaga, na estrada ficou
uma vida, de um homem, bom,
menino, amado, que mesmo
indo embora para sempre não vai
deixar de viver.
Porque de uma estrela não se esquece
o brilho, de uma vida não se esquece
a luz, de um amor não se esquece,
de um amigo não se esquece, dos
homens bons não se esquece…

8 comentários:

  1. nossa, adorei. lindo mesmo :)

    ResponderExcluir
  2. muuuito bom maay ! :)

    ResponderExcluir
  3. Lindo *-*

    Sinceramente toda vez que leio eu choro...
    É como ver cada sorriso dele... Cada momento...
    Muita saudade! Lippe <3

    Você May... Tem uma linda inspiração pra escrever *-*
    Paraabéns!

    Jô *-*

    ResponderExcluir
  4. Own May que lindo ... : /
    pode ter certeza que onde ela tá, ele tá vendo e sentindo todo esse amor !
    ;*

    ResponderExcluir
  5. Quee lindo e emocionante !
    Parabéns Maai

    ResponderExcluir
  6. putz, Muuito boom *-*
    - emocionoou '

    paarabéens :]

    ResponderExcluir

"Eu escrevo para nada e para ninguém. Se alguém me ler será por conta própria e auto-risco.! {Clarice Lispector}

Mas se você gosta (ou não) do que escrevo e tem elogios ou críticas a fazer, o caminho é por aqui...